Ecografia de próstata: para que serve e como funciona o exame?

Ecografia de próstata: para que serve e como funciona o exame?
28 de janeiro de 2020 Dra. Nubia
ecografia de próstata

O câncer de próstata é o mais comum entre os homens, e costuma se manifestar a partir dos 65 anos. É uma doença que, de maneira geral, evolui lentamente em pacientes idosos, porém tem maior agressividade em pacientes mais jovens, e, quando descoberta precocemente, as chances de cura são significamente maiores. 

Sendo assim, é essencial que os homens a partir dos 50 anos realizem os exames de check-up a fim de prevenir a doença. Em casos de histórico familiar de manifestação da doença — por parentes de primeiro grau — o paciente deve começar a realizar os exames a partir dos 45 anos. 

Quer saber mais sobre o exame que é essencial para o diagnóstico precoce do câncer de próstata? Confira ao longo deste artigo! 

Para que serve a ecografia da próstata?

A fim de detectar alterações no diâmetro, aparência, nódulos e irregularidades no órgão, a ecografia de próstata possui o principal objetivo de detectar  sinais de desenvolvimento de um câncer de próstata, mesmo ainda em sua fase inicial. 

A ecografia de próstata é um exame seguro — que não utiliza radiação  — geralmente indolor e rápido. Sendo assim, não há contraindicações para a sua realização. 

Como funciona o exame?

Como citado anteriormente, a ecografia da próstata é utilizada para detectar tumores e outras alterações, bem como o aumento benigno da próstata (hiperplasia prostática) e  infecções na próstata (prostatites).

Existem duas formas de realizar o exame, e o médico escolhido para o seu acompanhamento deverá recomendá-las de acordo com o histórico do paciente. Conheça-as a seguir.

Ecografia da próstata via abdominal

Este exame é utilizado para avaliar  o volume da próstata e, inclusive com a medida do resíduo urinário que sobra na bexiga após o paciente urinar, indicando assim se a bexiga consegue realizar sua função normalmente.  Ele avalia se a próstata está aumentada, sem caracterizar nódulos. Assim, é mais importante nos casos de aumento benigno da próstata, que ocorre geralmente com a idade. O câncer de próstata pode ocorrer com a próstata de volume normal ou aumentado ; e a dosagem de PSA no sangue , juntamente com o toque retal ,são essenciais para o diagnóstico.  

Preparação para o exame

A única exigência para a realização do exame é que o paciente esteja de bexiga cheia. 

Principais vantagens

  • Método confortável e, geralmente, indolor.

Ecografia da próstata via transretal

Já na realização transretal, o aparelho de ultrassonografia passa pelo canal endorretal e, dessa forma, é possível analisar com mais exatidão a presença de nódulos. Este exame é utilizado também para guiar a biópsia de nódulos na próstata,  geralmente realizada sob sedação. É um exame indicado geralmente quando ocorre aumento do PSA , proteína dosada no exame de sangue, aumentada em casos de prostatites, hiperplasia prostática, e em níveis mais elevados, no câncer de próstata. Também pode ser indicado quando há alterações no toque retal.. 

Preparação para o exame

Além de também ser necessário que o paciente esteja com a bexiga cheia, é recomendado que o paciente tome um comprimido de laxante no dia anterior ao exame, de acordo com a orientação prévia do médico. 

Principais vantagens

Ao contrário do que muitos pensam, este tipo de exame também costuma ser indolor. Além disso, como citado anteriormente, a detecção mais exata dos nódulos pode resultar em um diagnóstico mais rápido, na maioria dos casos.

Onde realizar a ecografia de próstata?

Após o pedido de exame por parte de um médico urologista, o paciente deve procurar por uma clínica especializada em exames de imagem para realizar o procedimento. 

A Clínica Viver, localizada em Brasília — Distrito Federal — realiza este exame nas duas modalidades apontadas anteriormente, agende agora mesmo!

Câncer de próstata

Como citado anteriormente, o câncer de próstata é o mais comum entre os homens. Apesar de ser um diagnóstico impactante para o paciente, quando descoberto e tratado corretamente, a doença não apresenta grandes taxas de mortalidade e o quadro é revertido na maioria dos casos. Sendo assim, é importante manter a rotina de exames em dia.

Principais sintomas do câncer de próstata

O câncer de próstata é uma doença que, na maioria das vezes, não apresenta sintomas. No entanto, alguns sinais frequentes da sua manifestação são:

  • Dificuldade para urinar;
  • Dores na região do quadril;
  • Necessidade de urinar muitas vezes ao longo da noite;
  • Fraqueza nas pernas.

Fatores de risco

O principal fator de risco para o desenvolvimento de câncer de próstata é algum quadro da doença em parentes de primeiro grau. Além disso, fumantes, obesos, pessoas da raça negra,   e pessoas que possuem doenças sexualmente transmissíveis correm mais risco de desenvolvimento da doença. 

Prevenção

Para a prevenção do desenvolvimento do câncer de próstata é necessário ter uma rotina de exercícios físicos ativa, uma boa alimentação, evitar o tabagismo e fazer os exames de check-up dentro da frequência ideal indicada pelo médico.

Está pronto para tomar uma atitude em prol da sua saúde? Nós aqui da Clínica Viver estamos dispostos a te ajudar!

Realize agora mesmo um pré-agendamento da sua ecografia de próstata

Leia também: